O Washington Post tem uma coluna que conta histórias de casamento. Casamentos da alta sociedade, claro! Selecionei algumas imagens do casamento de Maria Sephanie Diaz (26 anos) e Brian Hicks (31 anos). O casal se conheceu por meio de amigos em comum e depois de quatro anos trocaram seus votos de casamento em uma Igreja Católica no nordeste de Washington. Ela tem descendência hispânica e ele irlandesa/italiana.

Igreja

O intuito aqui não é (re)contar essa história, mas mostrar algumas imagens para inspirar outras noivas. Vê-se claramente a influência hispânica em alguns elementos usados pela noiva – a escolha do vermelho no buquê, o rosário, o modelo do véu. Observe que os detalhes em vermelho do buquê combinam com o das flores do bolo. São pequenos detalhes que tornam tudo um show.

O buquê é de lírios e rosas vermelhas. Essa combinação ficou maravilhosa e deu um contraste muito lindo em todo o resto.

Cerimônia de Casamento

O vestido da noiva, conforme se vê na imagem, possui um trabalho muito bonito na saia do vestido, o que dá o ar “repolhudo” nessa parte. Quem disse que vestido “repolhudo” é feio? Você pode não gostar, mas terá que admitir que esse vestido ficou muito bem na noiva. O biotipo da noiva favorece esse tipo de vestimenta. Isso é muito importante.

Vestido de Noiva

O véu da noiva é definitvamente o charme de todo o traje da noiva. Embora, muitas noivas preferem não usar esse tipo de véu e optar por uma versão mais moderna, essa noiva ficou maravilhosa. Esse véu possui um mix do católico e hispânico. O trabalho da renda em suas pontas é o  que dá esse glamour tradicional a essa noiva. Justamente é uma opção para um casamento bem tradicional.

O que achou desse casamento? Deixe a sua opinião nos comentários.


Imagens: © Washington Post

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)