Quando o casamento possui algum tipo de recepção (festa, brunch, bolo e champanhe, etc…), o buffet passa a ser considerado um dos aspectos mais importantes de toda a organização.

É claro que todo fornecedor possui o seu grau de importância. Mas, quando a comida não é boa, há uma percepção geral de que o casamento não foi tão bom.

A comida é muito importante para a maioria das pessoas.

Por isso, os noivos, geralmente, preocupam-se com o buffet, com o que será servido, com a apresentação do cardápio. Não importa o estilo do buffet – se é mais chique ou mais simples – as pessoas apreciam a qualidade da comida servida e a fartura.

Uma das dicas para escolher o buffet do casamento é fazer degustações do cardápio nos buffets. Essa é uma das formas que os noivos podem usar para avaliar os buffets. Mas, dá para confiar na degustação? O buffet será honesto e trará a mesma apresentação da degustação e das provas finais para o casamento?

Degustação do buffet de casamento

Quando existe profissionalismo por parte do bufê de casamento, a degustação é um importante indicativo sobre o serviço, a qualidade da comida e a apresentação dos pratos (a maneira como tudo é servido). É uma espécie de “medição” do que é o buffet. É óbvio que existem várias empresas sérias que a degustação refletirá quase que exatamente a comida da festa de casamento.

Ultimamente, tenho ouvido muitos relatos sobre buffet que faz uma apresentação incrível e traz uma comida extremamente saborosa no ato da degustação, mas deixa a desejar na recepção do casamento. Buffet com muito tempo de mercado, buffet novo, buffet famoso… Algumas descrições não poupam nenhum estilo de buffet. E isso no Brasil como um todo.

Outra reclamação de muitas noivinhas: o buffet apresenta um bom mix entre salgados fritos e assados, mas no dia do casamento, não segue o estabelecido e serve muitos salgados fritos e poucos assados. Ou, então, o pior de tudo: leva uma quantidade menor de salgados/doces que o contratado pelos noivos. Esses são apenas alguns dos relatos que tenho ouvido.

Buffet para casamento barato

Minha gente, a triste notícia é que isso está mais comum que parece. Por isso, infelizmente, não dá para confiar somente na degustação. É fundamental ter opinião de outras pessoas que participaram de algum evento do buffet, opinião de outras noivas, dos blogs de casamento e do cerimonial (ou dos cerimoniais, se você tiver contato com mais profissionais além do que você contratou).

E tem mais: mesmo que algum outro tipo de fornecedor já tenha trabalhado em festas que o buffet atuou, nem sempre, conseguirão dar uma percepção segura sobre o que foi servio. Afinal de contas, alguns tipos de profissionais não lidam diretamente com o buffet e estão também trabalhando no ponto alto da festa. O cerimonial é quem possui mais proximidade com esse tipo de serviço e pode trazer uma experiência mais completa sobre o serviço de determinado bufê.

Não é preciso nem entrar no mérito que isso é falta de profissionalismo e de desrespeito com os noivos. É triste ver que um mercado que cresce cada vez mais, há profissionais que não merecem estar nele. Eu, realmente, fico indignada com essas situações.

E você? Sabe de algum relato ou possui alguma experiência com buffet? Deixe o seu comentário!

Imagens:
1 – Robgreer photography
2 – e&b photography

2 comentários para “Buffet de casamento: dá para confiar na degustação?”

  1. Marlúcia

    Eu acredito que quando cada cliente começar a dar nome aos bois essa pratica de não levar a quantidade de comida contratada terá um fim.
    Ou então o cerimonial vai ter mais esse trabalha: passar a conferir a quantidade de comida e bebida que os clientes contrataram.
    Eu particularmente, acho isso um desrespeito com o cliente.

    Responder
  2. Rebeca

    A degustação é fundamental, mas não te dá uma noção real sobre o serviço do buffet, por isso tantas noivas devidem contratar o buffet de algum casamento em que foram como convidadas! Aliás, essa é uma questão que deve ser sempre lembrada pelos buffets: tratar bem os convidados sempre rende contratos futuros! Bjos.

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)