Nos EUA grande parte das noivas compra o vestido de noiva. O vestido pode passar de geração em geração ou até virar objeto de chacota do ex-marido após o divórcio. O que? Você leu certo!

101 outros usos para um vestido de noiva

Depois de 12 anos de convivência, o casal se separa e o ex-marido, Kevin Cotter, cria um blog em que ele procura achar 101 usos para o vestido de noiva da ex-esposa. O site chama-se “My ex-wife’s wedding dress” (O vestido de noiva da minha ex-mulher). Vi isso no blog Mulher 7X7.

O que fazer com o vestido de noiva depois do fim do casamento?

Separações são sempre muito difíceis. Deixam mágoas, ressentimentos e podem gerar um ódio tremendo, dependendo da razão que culminou no fim. A idéia do “My ex-wifes wedding dress” de encontrar outros usos para o vestido de noiva da ex-mulher é, até certo  ponto, engraçada. Não há como não rir das fotos.

Vários usos para um vestido de casamento

Um dos usos dados ao vestido foi roupa de camuflagem na neve. (Foto: Daily Mail)

Usos para um vestido de noiva

O vestido foi usado até como espantalho. (Foto: Daily Mail)

Vale mesmo a pena essa vingança?

Por outro lado, demonstra uma forma imatura de lidar com a separação, evidenciando claramente a dificuldade do ex-marido de seguir em frente. As mágoas ficaram e estão fazendo estragos. Além disso, quando um casal se separa, o respeito deve prevalecer em nome dos bons momentos que passaram juntos.

Quando eles se casaram o vestido de noiva representou um momento importante e feliz na vida do casal. Pormenorizar, menosprezar e ridicularizar o outro não é a solução, especialmente quando se tem uma filha que foi fruto da parte boa do relacionamento. Kevin Cotter deveria, ao menos, pensar na filha nessas situações. E como dizia Vinicius de Moraes: “que seja infinito,  enquanto dure”.

O que você achou dessa história? Deixe a sua opinião nos comentários.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)